Forsítia (Forsythia x intermedia)

A Forsítia (Forsythia x intermedia) é um arbusto lenhoso de folha caduca e muito florífero atingindo uma altura de 1 a 3 metros e até 5 metros de largura. O seu principal atrativo são as flores que surgem no início da Primavera, “pintando” os ramos de amarelo quando estes ainda estão despidos de folhas. Os ramos são eretos, com múltiplos caules que crescem desde a base. As folhas são opostas e com bordos serrilhados.

Nome Comum: Forsítia
Nome Científico: Forsythia
Altura: 1m 3m
Aplicações: Maciços Sebes
Clima: Mediterrâneo Temperado
Cor das flores: Amarelo
Cor das folhas: Verde-escuro
Crescimento: Moderado Rápido
Família: Oleaceae
Luminosidade: Pleno Sol
Porte: Arbustivo
Rega: Moderada
Tipo de planta: Arbusto

A Forsítia  (Forsythia x intermedia) é um arbusto muito vigoroso, de crescimento moderado a rápido, e toma grande destaque em qualquer jardim na altura do seu florescimento. O conjunto de flores e ramos dá a planta um aspecto de maciço dourado. No Outono, as folhas da Forsítia tornam-se amarelas ou laranjas antes de cair. Trata-se de um arbusto que muda a cada estação do ano, e nele podemos observar o ciclo da vida em constante mudança.

Forsítia (forsythia)

Pode ser utilizada isolada, como planta principal em pequenos jardins ou pátios, mas na minha opinião tem maior impacto em maciços e sebes livres, ao longo de extensos jardins. Há muitas cultivares para diversas aplicações, entre estas podemos destacar: ‘Arnold Dwarf’, variedade anã, ‘Spectabilis’, rústica e florífera, ‘Fiesta’, de folhas variegadas de creme e ‘Spring Glory’, adaptada a climas mais quentes.

A Forsítia deve ser cultivada sob sol pleno ou meia-sombra, em solo fértil, bem drenado e enriquecido com matéria orgânica e regado periodicamente. Planta própria para clima temperado e subtropical, aprecia o frio do inverno. As podas devem ser realizadas após o florescimento para que a planta possa crescer de forma mais compacta estimulando também um florescimento mais abundante. Reproduz-se por estacas de ramos lenhosos e semi-lenhosos, alporquia e mergulhia, na primavera e verão.

You may also like...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *